Como lavar bem as frutas e verduras.


Será mesmo necessário descartar as cascas das frutas? Como saber se os legumes e verduras que estamos comendo estão livres de bactérias, larvas e agrotóxicos?

Ao vermos uma maçã vermelha e brilhante, pensamos: devemos ou não comer a casca? A vontade é de comer sem pensar duas vezes. Quando descascamos as frutas que têm cascas comestíveis, estamos descartando a parte mais importante da fruta, onde há maior concentração de fibras e vitaminas. Mas e os micro-organismos e os agrotóxicos contidos nelas, não farão mal à saúde?

Tanto nas frutas quanto nas hortaliças podemos encontrar uma quantidade significativa de bactérias (entre elas os coliformes fecais e salmonelas) e larvas de insetos causadoras de infecções intestinais e verminoses. Os agrotóxicos, por sua vez, quando ingeridos em grande quantidade, podem causar cansaço, irritação na pele, alergias e intoxicação. Em longo prazo o seu consumo pode trazer consequências mais graves. Estudos apontam para uma relação entre os agrotóxicos e vários tipos de cânceres.

Entre ingerir alimentos com resquícios de agrotóxicos e não os ingerir, os profissionais da saúde aconselham a sua ingestão - já que eles contêm nutrientes de vital importância para a nossa saúde - desde que sejam higienizados corretamente, pois isto pode minimizar os problemas que os agrotóxicos poderiam causar ao nosso organismo.

Nesta época do ano, com este calorão, aumentamos em muito a ingestão de sucos, saladas e frutas. Mas, para comermos esses alimentos com segurança, são necessários alguns cuidados para garantirmos a nossa saúde ea da família.

Então, siga os passos abaixo para obter frutas, legumes e verduras livres de micro-organismos , que são responsáveis pelas indesejáveis intoxicação alimentar.

  • 1ª Etapa: desinfecção

1. Selecione bem as frutas e verduras, retirando as partes estragadas.

2. Lave-os bem para tirar a sujeira. As verduras precisam ser lavadas, folha por folha. As uvas precisam ser lavadas com muito cuidado para não caírem do cacho.

3. Deixe-os mergulhados por cerca de 30 minutos numa tigela com 1 litro de água e 1 colher de sopa de água sanitária.

4. Enxágue bem.

  • 2ª Etapa (somente as frutas que serão consumidas com a casca e as verduras)

1. Coloque-os em outra tigela com um litro d'água acrescido de uma colher de sopa de bicarbonato de sódio. Deixe agir por mais 20 minutos.

2. Enxágue bem.

  • Observações importantes

Você pode lavar todas as verduras e guardá-las em potes tampados dentro da geladeira. Siga o procedimento acima e, para finalizar, seque-as, folha por folha, com um papel toalha. Elas duram em torno de uma semana.

• As frutas também devem ser enxutas.

• Se você puder comprar frutas e hortaliças orgânicas, faça-o. Elas não contêm agrotóxicos. No entanto, para higienizá-los, proceda da mesma forma.

• Entre os alimentos com maiores concentração de agrotóxicos, estão o morango, o tomate e a alface.

• Não há necessidade de aplicar o processo de desinfecção em frutas com cascas grossas, como laranja, banana, tangerina, melancia, melão, abacaxi, etc. No entanto, exceto a banana, as demais devem ser lavadas antes de serem cortadas ou descascadas.

• O lugar de frutas, verduras e legumes é dentro da geladeira, devidamente embalados. O único alimento que deve ficar fora da geladeira é a banana. Frutas como abacaxi, melancia, melão, abacate, entre outras, não necessitam de geladeira antes de serem partidas. No entanto, precisam ficar longe do sol, da umidade e em lugar arejado.

• Não se esqueça de lavar bem as mãos antes de manusear os alimentos.

  • As frutas e legumes da estação têm uma quantidade menor de agrotóxicos.

Ainda vale o velho ditado de nossos avós: “Prevenir é sempre melhor, que remediar.”