Molhos para acompanhamento

28/05/2017

O valor dos laticínios na alimentação

 

Os laticínios são produtos derivados do leite, como o queijo, o iogurte, a manteiga, o creme de leite, o doce de leite, entre outros. Importante fonte de cálcio, o leite e seus derivados devem fazer parte da alimentação diária, principalmente de mulheres e crianças. Eles contribuem para a formação de massa óssea no organismo e evitar a osteoporose. Além do cálcio, o leite também é fonte de vitaminas A, D e E, além de proteínas.

Seu consumo é extremamente importante para a manutenção da saúde humana, atuando junto ao sistema imunológico, protegendo contra hipertensão, a osteoporose, o câncer, entre outros. Alguns importantes alimentos funcionais também são derivados do leite, como os leites fermentados, iogurtes e outros produtos lácteos fermentados. São alimentos nutritivos, naturais ou enriquecidos com aditivos alimentares que reduzem o risco de doenças, além de oferecerem vários benefícios à saúde, inerentes à sua composição química.

Hoje destacaremos a importância do leite.

O leite é um produto oriundo da ordenha completa e ininterrupta, em condições de higiene adequadas, de vacas sadias, bem alimentadas e descansadas. A maior parte do leite empregado na elaboração de laticínios é o leite de vaca, embora também se possa consumir o leite procedente de outros mamíferos. Neste contexto, o Brasil é considerado um dos maiores produtores de leite do mundo.

 

A pasteurização

 

Apesar de o leite e parte de seus derivados, como o queijo e a manteiga, serem conhecidos desde a antiguidade, a expansão no mercado mundial só veio ocorrer no século XX, devido aos avanços da tecnologia e adoções de métodos artificiais nas ordenhas. Já a pasteurização, por sua vez, foi criada em meados do século XIX, por Louis Pasteur, diminuindo a quantidade de microrganismos presentes no leite, o que aumentou o seu período de vencimento e dando novo êxito à indústria de laticínios no norte da Europa.

 

 

A seguir você encontra várias receitas de molho feitas com derivados do leite e que combinam com massas, peixes e  carnes em geral. Delicie-se:

 

Molho Branco com Creme de Leite

  • 1 xícara (chá) de leite

  • 1 xícara (chá) de água

  • 1 tablete de caldo de galinha

  • 1 caixa (250 ml) de creme de leite

  • 2 colheres (sopa) de azeite

  • 1 cebola pequena batidinha

  • 1/2 colher (sopa) de alho amassado

  • 2 colheres (sopa) de margarina

  • 2 colheres (sopa) de amido de milho

  • 1 colher (sopa) de queijo parmesão ralado

  • 1 pitada de noz-moscada

 

  • Misture o leite e a água.

  • Leve ao fogo até iniciar a fervura e dissolva o caldo de galinha e reserve.

  • Numa panela, refogue o alho e a cebola no azeite até a cebola começar a amolecer.

  • Junte a margarina e deixe derreter bem e, em seguida, acrescente o amido de milho.

  • Misture bem até formar um creme homogêneo, sem empelotar.

  • Acrescente o queijo parmesão.

  • Misture mais um pouco e despeje o leite com a água reservados.

  • Mexa até engrossar e, por fim, junte o creme de leite.

  • Antes de começar a ferver desligue o fogo e salpique a noz moscada.

Obs: O creme de leite pode também ser substituído por 1/2 copo de requeijão cremoso.

 

 

Bechamel

É um molho clássico que combina com quase tudo. Pode ser usado em massas, peixes e frutos do mar e como tempero para saladas.

Em uma panela, aqueça duas xícaras de leite sem deixar ferver. Em uma frigideira funda, derreta três colheres de manteiga, junte duas colheres de farinha e misture os dois ingredientes. Com cuidado e em pequenas porções comece a acrescentar o leite, mexendo vigorosamente para evitar a formação de pelotas. Ferva o molho sem deixar de misturar. Cozinhe-o durante 1 a 2 minutos. O molho deve ter uma consistência espessa. Acrescente sal e uma pitada de noz moscada. Retire do fogo.

 

 

Molho de alho

Este molho é bem simples. Pique finamente um ramo de erva-doce sem os talos. Amasse-o com a lâmina da faca para tirar o suco. Misture a erva-doce com 250 gramas de creme de leite. Triture de um a três dentes de alho e junte todos os ingredientes. Tempere com sal e pimenta.

 

 

Molho de mostarda e creme de leite: perfeito para peixes

Em uma panela, jogue 200 ml de creme de leite com 20% de gordura e comece a cozinhar em fogo lento. Coloque uma colherzinha de mostarda comum (opcional), uma colherada de mostarda dijon, duas colherzinhas de mel, esprema o suco de um quarto de limão e misture tudo. Em uma frigideira, esquente um pouco as sementes de mostarda (1 colher de chá) e coentro (1/2 colher de chá). Uma vez que estiverem douradas, junte o molho. Quando começar a engrossar, ponha as ervas de sua preferência (erva-doce, salsa, cebolinha...) e retire do fogo..

 

 

Molho de creme de queijo: excelente para massas e batatas

Em uma panela, misture 200 gramas de queijo Philadelphia em cubos, 10 ml de óleo vegetal e 200 ml de creme de leite. Cozinhe em fogo médio até que ferva, misturando de vez em quando. Quando o molho começar a ferver, reduza o fogo e acrescente condimentos a seu gosto: manjericão e pimenta podem ser boas opções. Continue misturando para que o molho não forme pelotas. Junte 50 gramas de queijo ralado e prove-a.

 

 

Molho tártaro

Mais um molho simples, delicioso e de rápido preparo. Seis colheradas de maionese; ou seis de creme de leite; ou três de maionese e três de creme de leite. Corte finamente 100 gramas de pepino e um pequeno ramo de salsa. Junte um dente de alho amassado e misture tudo à maionese (ou ao creme de leite). Ponha sal e pimenta e leve à geladeira por uma hora. Também se pode acrescentar um quarto de suco de limão, 1/2 de colherzinha de mostarda e cebolinhas. Este molho é perfeito para frango, peixe e mariscos.

 

Molho de vinho tinto para carne

Esquente 1 e ½ colherada de azeite de oliva em uma frigideira. Junte cebola cortada de forma fina e frite em fogo lento misturando por 7 minutos até que doure. Em uma vasilha, ponha duas taças de vinho tinto e 175 ml de água, deixe-os cozinhar por 10 minutos. Misture 40 gramas de manteiga derretida e uma colher de farinha para obter uma pasta.

Pouco a pouco coloque a mistura da vasilha na frigideira, sempre mexendo constantemente.

Junte um pouco do caldo da carne ao molho. Se quiser, ponha salsinha, sal e pimenta. Se o molho ficar muito ácido, coloque um pouco de açúcar para equilibrá-lo. O álcool presente no vinho se evapora e permanece apenas como uma redução agradável.

 

 

Molho para salada Caesar

Bata uma colherzinha de mostarda com uma gema de ovo e uma colherzinha de sal. Com cuidado, despeje 150 ml de azeite de oliva, e misture até chega à consistência de uma maionese. Junte uma colherada de suco de limão, uma colherzinha de pimenta moída, dois dentes de alho amassados, 50 gramas de parmesão ralado e misture novamente.

Além de combinar com outras saladas, o tempero também pode ser usado como molho para carne.

 

 

COMPARTILHAR
RT
Please reload

© Copyright 2016 Recofran. Desenvolvido por Gath Soluções em TI