ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL NO INVERNO

25/05/2017

 

 

 

Com o inverno “dando as caras”, o que temos vontade mesmo de fazer, é ficar embaixo das cobertas, vendo um filminho e, claro, com alguma coisa gostosa para comer.

Uma das causas para as pessoas sentirem mais fome no inverno e ingerirem alimentos mais calóricos, é a necessidade do organismo em elevar a temperatura corporal e neutralizar a diferença climática, então, por gastar mais energia, ele precisa de mais calorias.

 Com isso, se não tomarmos cuidado, o ponteiro da balança sobe mesmo, sem dó e nem piedade.

Engana-se quem acha impossível manter uma alimentação saudável e equilibrada em temperaturas mais frias. O que se vê no inverno é a louca vontade de comer chocolate, caldos e pratos mais pesados, contrastando com a enorme dificuldade em manter a ingestão de frutas e hortaliças.

A grande dica para as noites de inverno é investir nas sopas e caldos, já que muitas vezes possuem verduras e legumes em sua receita, mas  se precisa tomar cuidado para não misturar mais de uma fonte de carboidrato na mesma receita. Ou seja, se você optar pela batata, não deve usar o macarrão ou o arroz.

O que vale é escolher qualquer tipo de hortaliças para incrementar os caldos: couve, abóbora, abobrinha, chuchu, couve-flor, brócolis, repolho, tomate, espinafre, beterraba, cenoura e vagem.

As frutas também costumam perder espaço no inverno, outro grande erro para quem quer manter uma dieta equilibrada. Além das frutas, as hortaliças também não podem ficar de lado – os resfriados e gripes podem ser evitados  por uma alimentação rica em antioxidantes, que são encontrados nesses alimentos, bem como nas frutas da época: morango, bergamota e caqui.

Como recurso para “enganar o cérebro”, pode-se consumir frutas com canela em pó e colocá-las no micro-ondas, ou fazê-las em calda com  apenas água, ou assá-las no forno. Ficam deliciosas e saciam a vontade de comer doce.. 

A prática de atividade física também não deve ser esquecida no inverno. A boa notícia é que nesta época do ano, nosso metabolismo está mais acelerado e com isso conseguimos perder mais peso, aliando alimentação saudável à prática de atividade física.

 Embora a transpiração diminua no inverno, nossas necessidades hídricas continuam sendo as mesmas, pois estamos numa estação extremamente seca!

Alguns erros comuns nessa estação como deixar de consumir saladas e frutas, diminuir a ingestão de água e incluir ingredientes calóricos na alimentação podem resultar em uma rotina não favorável ao corpo.

COMPARTILHAR
RT
Please reload

© Copyright 2016 Recofran. Desenvolvido por Gath Soluções em TI